Terça-feira 11 de Junho de 2024

A EXPERIÊNCIA DE ANA CRISTINA BATISTA, NA PRIMEIRA PESSOA

Após terminada a minha licenciatura iniciei a procura de um desafio profissional, esta procura levou-me a Cachopo, no seio de uma pequena aldeia, encontrei um lar diferente de todos os outros … uma verdadeira casa, que acolhe com amor não só os seus idosos, como as gentes da sua terra.

Rapidamente percebi que o Centro Paroquial de Cachopo, não é só mais uma estrutura de apoio, é um local de conforto, em que o trabalho e a dedicação desenvolvido pelo Diácono Albino Martins e pela D. Claúdia é notório, e que em conjunto com o trabalho de todos os funcionários mantém de pé um marco relevante na comunidade.

Só tenho a agradecer a oportunidade que me foi dada, pois permitiu-me evoluir as minhas capacidades profissionais, criando contacto com a realidade do trabalho social ao mesmo tempo que me fazem sentir apoiada e valorizada com a continuação dos meus estudos. Posso considerar este Cento como uma família devido aos laços afetivos que criei com estes idosos, avôs e avós que ficarão para sempre no meu coração.

Um especial obrigada e reconhecimento, às minhas colegas, a Dra. Laura Ramalho e a Dra. Rita Torrado, diretoras técnicas de SAD e ERPI respetivamente, que me têm auxiliado, apoiado e sobretudo ensinado muito, sendo inestimáveis e cruciais no desenvolvimento deste meu percurso profissional e pessoal.

O trabalho bem feito deve ser reconhecido e por isso, um muito obrigada pela oportunidade de poder fazer parte desta grande e bonita viagem.

Ana Cristina Batista

Estagiária de Serviço Social

Sobre Centro Paroquial de Cachopo

Verifique também

O CENTRO PAROQUIAL RECEBEU BUGGY (VEÍCULO ELÉTRICO) OFERECIDO PELA BANAMOR ATIVIDADES TURÍSTICAS

O Centro Paroquial de Cachopo recebeu no dia 15 de abril, um veículo elétrico, oferecido …

Sahifa Theme License is not validated, Go to the theme options page to validate the license, You need a single license for each domain name.